Que tipo de viagem você quer fazer?

Essa é a pergunta que eu me faço quando vou planejar alguma viagem. E o mais interessante é que a resposta nunca é exatamente a mesma, a gente sempre muda alguma coisa, tem alguém pra viajar junto? É em família? É com a Carol? Sozinho? Enfim, o tipo de viagem que você vai fazer sempre muda e isso afeta em toda a sua viagem. Separei alguns tópicos pra te ajudar a entender melhor sobre cada tipo de viagem, assim você vai entender como começar a pensar no que fazer e como aproveitar melhor seu tempo. Vamos lá?

Mochilão

Ser mochileiro é basicamente se aventurar por aí gastando pouco e ter muita história pra contar. Por essa razão quem faz esse tipo de viagem normalmente são os jovens, que não tem muitos recursos, mas tem energia e coragem de sobra.

Se você quer fazer um mochilão tem que ter esse espírito aventureiro, pois esse tipo de viagem normalmente é de baixo custo, onde as opções são normalmente as mais baratas e a gente acaba deixando de lado vários confortos. É um tipo especial de viagem, onde os perrengues vão aparecer e você vai se descabelar, encontrar soluções onde não imaginava e aprender a viver e conviver com diferentes culturas. Fazer um mochilão possibilita você visitar várias cidades e até países diferentes em uma única viagem.

Se você busca algo além de simplesmente conhecer novos lugares, o mochilão pode ser seu tipo de viagem.

Leia também: Quanto custa mochilar pela Europa?

Viagem com amigos

Sim, viagem com amigos é um tipo de viagem específico e eu vou dizer o porquê. Quando você está com uma turma, a viagem muda muito. São muitas cabeças com opiniões diferentes, o que pode acabar dificultando um roteiro específico sem o grupo se partir em pedaços. O mais recomendável é entrar em sintonia com todos, todo mundo ter o mesmo tipo de viagem na cabeça, mas nem sempre isso é possível.

Não há soluções mágicas, mas há como ter uma conversa antes, um planejamento entre todos, para que os problemas se resolvam mais rapidamente.

Viagem em família

Até se assemelha à viagem com amigos, mas em família as coisas são um pouco menos flexíveis. Aqui existe uma certa obrigação de estar com os outros e o diálogo pode ser mais difícil (não é por acaso que as brigas entre irmãos são as mais comuns). Porém, tudo isso não parece ser um grande problema, tendo em vista que muitas viagens em família também são viagens de férias. Se você vai viajar em família e quer fazer algo especial ou visitar algum lugar, é importante que todos saibam e você entenda a disponibilidade de todos para você (lá vem a palavra de novo) planejar tudo com clareza.

destino-compartilhado-tipos-de-viagem

Viagem de férias

Nesse tipo de viagem você geralmente quer mais é descansar, se desligar da sua rotina e passar alguns dias longe do estresse do trabalho. Não é nenhuma desvantagem e normalmente você faz isso como um presente para si mesmo depois de mais um ano (ou mais) de trabalho duro. Mas não é só porque você vai passar alguns dias descansando que sua viagem não tem que ser planejada, até porque nada dura pra sempre. Então planeje bem o que quer fazer, onde ficar, onde comer, até mesmo onde descansar pra economizar dinheiro e também seu precioso tempo de férias.

Se você pensar bem, os princípios vão sempre ser os mesmos: Planejar para saber o que eu vou passar por lá e aproveitar melhor o meu tempo. A diferença são as pessoas, o lugar onde você se hospeda, os restaurantes e tudo o que você quer ver.

E aí, já sabe qual o tipo da sua próxima viagem?

 

Destino Compartilhado | por: Tom Freitas


Leia também:

Acampi – O banco de dados do aventureiro

5 cidades alternativas para visitar na Alemanha

Um final de semana em Ilhabela


 

Comentários

Deixe uma resposta